Liderança e Gestão

15 Comentários 03.11.14 3832 Vizualizações Imprimir Enviar
Saber ouvir significa melhor comunicação

Saber ouvir significa melhor comunicação – todos nós, na área de Gerenciamento de Projetos, ou como líderes em qualquer atividade, sabemos da importância da Comunicação. Quantas falhas em projetos, processos e ambientes corporativos não teriam sido evitadas através de melhor comunicação. Nosso colega Isnaldo já publicou aqui no Blogtek dois artigos sobre o assunto: O Gerenciamento das Comunicações em Projeto e Ruídos na Comunicação em Projetos: Preconceito.  Se você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui ao lado, em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

Saber ouvir – seu papel na Comunicação

Saber ouvir

Saber ouvir

Quando falamos ou pensamos em comunicação, a maioria de nós associa este fato à ideia de “Eu comunicar”. Na realidade, temos que sempre ter em mente que Comunicação é um caminho de mão dupla. E mais, Ouvir não é uma atitude passiva!!! Se não soubermos ouvir, não saberemos:

  • Se nossa mensagem está surtindo efeito
  • O que nosso interlocutor deseja ouvir
  • De que maneira nossa mensagem será mais eficaz
  • Se nosso interlocutor está entendendo a mensagem

Portanto, é fundamental saber ouvir, e de forma ativa. Isto tem nome, em Inglês é bastante comum falarmos de Active Listening, que seria traduzido como Audição Ativa, apesar deste termo não ser muito difundido em Português.

Saber ouvir – Active Listening

A figura abaixo ilustra os pilares do “Active Listening” (enquanto não houver uma expressão em Português reconhecida, continuarei usando o anglicismo):

Saber ouvir: active listening

Saber ouvir: active listening

 

Remover interrupções e distrações: quando você se dispõe a ouvir realmente uma pessoa, deve dedicar seu tempo e atenção para isto. Jamais fique ouvindo enquanto digita, evite atender o telefone (só em último caso, e pedindo escusas ao interlocutor).

Prestar atenção nos sons e sinais do interlocutor: não apenas nos sons, nas palavras, mas também nos gestos, na postura. Tente captar a mensagem corporal, identificar eventual apreensão ou preocupação, perceber se o outro está à vontade para expor seus pensamentos.

Demonstrar que está entendendo (feedback): através de gestos, ou curtas repetições ou interpretações do que o outro está falando. Isto permite que o interlocutor se sinta mais tranquilo, e garante que a sua exposição de pensamentos está sendo entendida.

Saber ouvir – fazer perguntas

Outro aspecto do Active Listening é fazer perguntas. Quando alguém conversa com você, expõe suas ideias e pensamentos, queremos ter a compreensão do todo, então devemos encorajar que tudo seja exposto, e isto é obtido através de perguntas. Após o término da exposição do interlocutor, dê alguns segundos de tempo. Isto servirá para mostrar que você está receptivo caso ele queira expor algo mais, para deixar claro que não há mais nenhuma colocação a ser feita neste momento, e evidenciará que você não tem uma resposta padrão, que a sua resposta será fruto de reflexão. Perguntar, após ouvir, servirá para:

  • Estimular a exploração das ideias
  • Estabelecer empatia entre as partes em comunicação
  • Mostrar comprometimento com o que está sendo dito e ouvido
  • Esclarecer eventuais dúvidas
  • Dar sinais claros do entendimento do que foi dito

Outros aspectos ligados ao Coaching e Liderança serão abordados em detalhes nos próximos artigos do Blogtek. Para manter-se informado sobre os próximos artigos, cadastre seu e-mail em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

Incoming search terms:

  • o que significa saber ouvir
  • saber ouvir na comunicação

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.
Stonner

Rodolfo Stonner, Engenheiro Mecânico pela UFRJ, atuou como Engenheiro de Equipamentos Sênior da Petrobras, e foi Gerente de Construção e Montagem das Obras Extramuros da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco. Atualmente aposentado, é consultor e instrutor nas áreas de Gerenciamento de Projetos e Gestão da Manutenção, e está atuando com a Deloitte na implantação do PMO para a Refinaria de Talara, Peru. Gosta de lecionar, trocar experiências e conhecimentos, é certificado como PMP (Project Management Professional) e RMP (Risk Management Professional) pelo PMI, e CRE (Certified Reliability Engineer) pela ASQ.

Newsletter

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.