Liderança e Gestão

Comente 27.05.19 1062 Vizualizações Imprimir Enviar
O princípio de Peter – princípio da incompetência

Princípio de Peter (também chamado princípio da incompetência): em uma hierarquia, todo empregado tende a subir até seu nível de incompetência. Recentemente publicamos um artigo aqui no Blogtek sobre Impotência Induzida, e, ao divulgá-lo pelo WhatsApp, o professor Aldo Mattos (sim, tenho a honra de tê-lo em meus contatos) me sugeriu pesquisar sobre o Princípio de Peter. Achei interessante, e aqui faço alguns comentários a respeito do princípio.  Temos alguns artigos aqui sobre assuntos correlatos: Competência, Habilidade, Atitude; Valores, desempenho, comportamentoSe você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui ao lado, emAssine o Blogtek!SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS. 

Princípio de Peter – aparentes termos fortes! 

Quando se menciona o princípio de Peter, fazendo referência ao nível de incompetência, o termo parece forte. Porém, como veremos, ainda que a palavra contenha uma carga pejorativa, faz todo o sentido. 

Uma outra leitura ou enunciado de Princípio de Peter é: O trabalho é executado pelos empregados que ainda não atingiram seu nível de incompetência. 

Princípio de Peter – origem 

Lawrence Peter era um educador canadense, relembrado como muito bem humorado. Diz a lenda que a ideia de escrever o livro O princípio de Peter veio quando em uma palestra, ao enunciar o princípio, um estudante que estava na plateia chegou a cair da cadeira, ao rir do princípio, enquanto fitava um diretor da escola… 

Peter adorava cachorros-quentes, chegando a criar um dito: Cachorro quente é o mais nobre dos cães, pois alimenta a mão de quem o morde. A Wikipedia chega a mencionar que Peter morreu em decorrência de um engasgo ao comer um cachorro quente, porém segundo notícia da época reportada pelo New York Times ele morreu em consequência de um derrame. 

A expressão Princípio de Peter tornou-se nos Estados Unidos tão popular quanto a Lei de Murphy e Catch-22. Esta última expressão é menos conhecida no Brasil, apesar de já ter passado no Brasil o filme referente a esta expressão (Ardil 22). É menos conhecida porque tem muito a ver com a área militar: se algum militar se declarasse doido, poderia pedir baixa dos combates. Porém, o fato de querer pedir baixa dos combates era sinal de lucidez, logo, não estava doido, e por isso poderia continuar combatendo. Um paradoxo, na essência da palavra. Com isto, a expressão Catch 22 tornou-se sinônimo de armadilha.

Princípio de Peter – tem sentido! 

Um empregado ocupando determinada posição na empresa desempenha bem seu papel. Portanto, faz jus a uma promoção. Em seu novo posto, continua desempenhando bem, e recebe uma promoção. Isto vai ocorrendo continuamente, como ilustra a figura a seguir. Até o momento em que atinge uma posição em que não consegue mais se sobressair, tendo atingido o limite de sua competência. 

Princípio de Peter

Princípio de Peter ; ascensão profissional

Outro aspecto a considerar é que os empregados promovidos o foram baseados em fatores de desempenho e benchmarking que podem, provavelmente, não serem os mesmos em sua próxima função. 

De certa maneira, grandes empresas visualizam o Princípio de Peter. Por exemplo, excelentes técnicos podem se tornar péssimos gerentes. A Petrobras há algum tempo instituiu a carreira em Y: em determinado ponto, o profissional pode subir via carreira gerencial, e aí se submetendo implicitamente ao Princípio de Peter, ou optar pela carreira técnica, onde basicamente são requeridos apenas os conhecimentos técnicos, os quais tendem a ser sempre aprimorados. 

A cada semana, publicamos novos artigos aqui no Blogtek, sobre Gerenciamento de Projetos, Gestão da Manutenção, e tópicos sobre Liderança e Gestão. Também semanalmente publicamos um vídeo, os quais podem ser acessados em youtube.com/c/Blogtek, com legendas em espanhol.  Se você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui ao lado, emAssine o Blogtek!SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS. 

Incoming search terms:

  • PRINCIPIO DE PETER
  • os principios de piter
  • 7S da McKinzey
  • ameaças externas na havan
  • citações liderança ano de citação
  • como calcular o periodo de manutenção preventiva
  • como planejar uma planta de celulose
  • definir estrutura por projetos
  • diagrama da árvore em confiabilidade
  • exemplo de diagrama em árvore

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.
Stonner

Rodolfo Stonner, Engenheiro Mecânico pela UFRJ, atuou como Engenheiro de Equipamentos Sênior da Petrobras, e foi Gerente de Construção e Montagem das Obras Extramuros da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco. Atualmente aposentado, é consultor e instrutor nas áreas de Gerenciamento de Projetos e Gestão da Manutenção, e está atuando com a Deloitte na implantação do PMO para a Refinaria de Talara, Peru. Gosta de lecionar, trocar experiências e conhecimentos, é certificado como PMP (Project Management Professional) e RMP (Risk Management Professional) pelo PMI, e CRE (Certified Reliability Engineer) pela ASQ.

Newsletter

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.