Menu

As múltiplas inteligências – Howard Gardner

Stonner 11 Comentários 15.10.14 6094 Vizualizações Imprimir Enviar

As múltiplas inteligências: conhecer nosso potencial foi sempre um desafio para o ser humano. Aqui no Blogtek já publicamos alguns artigos nesta área, tais como Foco em seus pontos fortes, Nove estilos de Liderança e Janela de Johari. Especificamente a questão da inteligência foi primeiramente abordada por Alfred Binet e Theodore Simon, os quais desenvolveram o famoso conceito de QI – Quociente de Inteligência. Para ser sempre informado dos novos artigos do Blogtek, cadastre seu e-mail em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.

As múltiplas inteligências – as limitações do “Teste de QI”

Múltiplas Inteligências

Múltiplas Inteligências

Binet e Simon criaram uma escala que leva o nome de ambos, a qual foi o embrião dos testes de QI, que tem a intenção de aferir a inteligência de um indivíduo através de testes, perguntas curtas distribuídos em questões verbais, matemáticas e de raciocínio geométrico-espacial. Foi criada uma escala em que o índice em torno de 100 (de 90 a 109) caracterizaria a inteligência média.

O próprio Alfred Binet tinha restrições com relação à questão de se criar uma “escala” de inteligência, como alertou em um escrito datado de 1909:

Esta escala, propriamente falando, não permite a medida da inteligência, porque as qualidades intelectuais não são sobreponíveis e, portanto, não pode ser medido como superfícies lineares são medidas.

As múltiplas inteligências – Howard Gardner

 

Múltiplas Inteligências - Howard Gardner

Múltiplas Inteligências – Howard Gardner

Howard Gardner, psicólogo cognitivo e educacional americano, professor de Harvard, também manifestou dúvidas sobre a qualificação da Inteligência como característica única e absoluta, factível de ser mensurada.

Gardner observou que entre pessoas com diferentes Quocientes de Inteligência, o sucesso na carreira, nas artes ou nos negócios não era necessariamente proporcional ao QI.

Em seu trabalho, Gardner procurou identificar a estrutura intelectual de sábios, artistas, crianças prodígio, atletas, líderes religiosos e políticos, em suma, aqueles que se destacavam por algum aspecto peculiar de seu perfil cognitivo, em diferentes países, locais e culturas.

Em 1983, publicou sua principal obra, o livro intitulado Estruturas da Mente, onde descreve sete tipos diferentes de inteligência identificados. Posteriormente, mais dois tipos de inteligência foram identificados. Recentemente, publicou “Mentes que mudam: a arte e a ciência de mudar as nossas ideias e as dos outros”.

Para conhecer mais sobre Howard Gardner, visite o site http://multipleintelligencesoasis.org/

As múltiplas inteligências – características

Inteligência Linguística: característica de poetas, jornalista, escritores e oradores. Habilidade em usar palavras, linguagem verbal e escrita. Facilidade em memorizar informações de forma escrita. Habilidade em falar diversos idiomas.

Inteligência Lógico-Matemática: capacidade em usar números, expressões matemáticas, sequências lógicas, habilidade em pensar logicamente, reconhecendo padrões e conceitos abstratos. Típico do pensamento científico, e muito identificada com a visão tradicional de inteligência. Característica de cientistas, matemáticos e engenheiros.

Inteligência Espacial: capacidade de perceber o mundo visual-espacial, envolvendo sensibilidade à percepção de cores, formas, linhas, sólidos, configurações e espaços. Características de marinheiros, engenheiros, pilotos, navegadores, cirurgiões, dentistas, escultores.

Inteligência Musical: capacidade em distinguir, perceber, transformar e expressar formas musicais, com sensibilidade ao ritmo, melodia e timbre. Evidentemente, característica de músicos, compositores, bailarinos e maestros.

Inteligência Corporal-Cinestésica: capacidade de resolver problemas, identificar pelo corpo. Conhecimento do corpo e a habilidade em controlar seu corpo e movimentos. Característica de dançarinos, atletas, bailarinos e mímicos.

Inteligência Interpessoal: capacidade de entender as intenções, desejos e motivações dos demais. Habilidade em fazer distinções no humor e sentimentos alheios, de comunicação e persuasão. Característica de políticos, religiosos, vendedores e professores.

Inteligência Intrapessoal: capacidade de autoconhecimento, de interpretação dos próprios sentimentos, medos e motivações. Característica de escritores, psicoterapeutas e conselheiros.

Inteligência Naturalista (não fazia parte do elenco inicial descrito por Howard Gardner): habilidade em reconhecer, identificar semelhanças, classificar espécies de flora e fauna. Sensibilidade a fenômenos naturais. Característica de botânicos, biólogos e zoólogos.

Inteligência Emocional: capacidade de conter os impulsos, ter controle de suas próprias emoções, saber se relacionar com outras pessoas; característica de pessoas que tem inteligência interpessoal e intrapessoal. Será abordada mais a fundo em artigo posterior. Conceito introduzido por Daniel Goleman.

Como desenvolvê-las, para nós e para a nossa equipe? O assunto é muito vasto, e iremos abordá-lo em diversos outros artigos.

Para ser sempre informado dos novos artigos do Blogtek, cadastre seu e-mail em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

 

Incoming search terms:

  • download do livro inteligências múltiplas de Howard Gardner
  • inteligências múltiplas howard gardner download
  • Houard gardner livros
  • howard gardner livros download
  • modelos de liderança Gardner
  • a Gardner download
  • As 20 perguntas howard gardner
  • as inteligencias nao sao estaticas nem quantitativas
  • gardner inteligencias multiplas
  • inteligencia multiplas download

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.

Stonner

Rodolfo Stonner, Engenheiro Mecânico pela UFRJ, atuou como Engenheiro de Equipamentos Sênior da Petrobras, e foi Gerente de Construção e Montagem das Obras Extramuros da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco. Atualmente aposentado, é consultor e instrutor nas áreas de Gerenciamento de Projetos e Gestão da Manutenção, e está atuando com a Deloitte na implantação do PMO para a Refinaria de Talara, Peru. Gosta de lecionar, trocar experiências e conhecimentos, é certificado como PMP (Project Management Professional) e RMP (Risk Management Professional) pelo PMI, e CRE (Certified Reliability Engineer) pela ASQ.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  • dilma

    Professor, para iniciar o comentário quero apresentar meus cumprimentos pelo dia de ontem, dia 15/10, consagrado aos mestres e também agradecer a oportunidade de aprendizado aqui pelo blog.
    O assunto de múltiplas áreas da inteleligência sempre me despertou grande interesse e o site divulgado é dos mais bacanas.
    Então, receba 2 agradecimentos !!
    Abs

  • Eduardo Santillo

    Como desenvolvê-las, para nós e para a nossa equipe? O assunto é muito vasto, e iremos abordá-lo em diversos outros artigos.

  • Claudia Isabel Calderón Alzate

    Excelente! É isso mesmo. É primitivo pensar que a inteligência de uma pessoal pode ser medida somente por um lineamento de qualificação até hoje concebido como QI.
    Temos millões de mentes, seres e individualidades, cada um com uma combinação diferente e perfeita de inteligencias. Também não podemos dizer que uma pessoa tem certa o qual inteligência. Somos a soma de várias e a qualificação (Se é factivel criá-la) deve ser uma suma e uma avaliação de todas as inteligências e deve considerar uma análise objetiva da inteligência predominante e sua interação com as outras.
    E neste quesito deveriamos gastar a metade da nossa vida para ser seres humanos excepcionais na outra metade.
    Isso vai da mão com a Educação Social, Pscicológica e Académica.
    Devería ser o ponto de partida.

  • sou chileno …tenho grande facilidade para mecatrónica…mais aínda para cálculo.
    ja dei aulas para engenheiros recem formados.
    o que vocés dicem e a pura verdade..disculpem a modestía mais ja sabia disso a mais de 15 anos. grato .bõa sorte.

  • Fico muito feliz em receber dois agradecimentos de uma leitora tão especial e colaborativa!!! Muito obrigado, Dilma!!!

  • Olá, Eduardo, darei continuidade ao assunto, abordando o desenvolvimento das múltiplas inteligências.

  • Obrigado, Cláudia Isabel, pelo rico comentário. Estamos totalmente de acordo! Antes de trbalhr como engenheiro, fui professor durante 11 anos, então este assunto me é muito importante!

  • Olá, Juan, sim, o fato já é conhecido há bastante tempo, mas é nosso papel, de educadores e líderes, estar sempre disseminando os conhecimentos. Obrigado, seja bem vindo ao Blogtek!

  • Miguel Figueiredo

    Caro Rodrigo

    Me identifiquei bastante com o tema, pois sinto uma grande dificuldade em alguns assuntos enquanto em outros domino facilmente, além do meu teste de QI ter dado alto, mas este resultado para mim sempre foi meio estranho pois como já falei tenho dificuldades em alguns assuntos, gostaria de me aperfeiçoar neste tema para ter uma evolução por igual em minha gestão Operacional, você pode me ajudar?

  • Olá, Miguel, estou preparando mais material sobre o tema, breve irei publicar, e espero que ajude!

  • Pingback: blogtek.com.brMúltiplas Inteligências - desenvolvimento - blogtek.com.br()

Publicidade

Liderança e Gestão

Brainstorming reverso – revirando os problemas

Comente Stonner 07.01.19
Liderança e Gestão

Quatro princípios da mudança – John Kotter

Comente Stonner 17.12.18
Gerenciamento de Projetos

Aversão à perda – como impacta a gestão?

Comente Stonner 10.12.18
Gerenciamento de Projetos

Inteligência Cultural – fundamental no ambiente globalizado

Comente Stonner 03.12.18
Gerenciamento de Projetos

Análise forense de cronogramas

Comente Stonner 26.11.18

Gerenciamento de Projetos

MS-Project – Dicas e Pegadinhas (Tips & Tricks)

85 Comentários Stonner 28.04.13
Liderança e Gestão

Seis regras testadas para vencer discussões (Les Giblin)

63 Comentários Stonner 01.12.14
Gestão da Manutenção

O Planejamento de uma Parada de Manutenção – Parte 1

61 Comentários Stonner 05.05.13
Atualidades

O que o biquíni esconde e o custo das novas refinarias…

56 Comentários Stonner 17.04.13
Gerenciamento de Projetos

Metodologia FEL – Método dos Portões

45 Comentários Stonner 17.02.13

Bem-vindo ao novo

Blogtek

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.
© 2013 - 2019 Blogtek.