Gerenciamento de Projetos

Comente 29.07.19 309 Vizualizações Imprimir Enviar
I2PD – Integrated Industrial Project Delivery

I2PD – Integrated Industrial Project Delivery: estou atualmente trabalhando no PMO da ampliação da Refinaria de Talara. O projeto é grandioso, é bom trabalhar aqui, mesmo neste regime de 4 semanas aqui, uma no Brasil. Porém, não há muito lazer na cidade de Talara: não há um shopping center, sequer um MacDonald, ou qualquer fast food similar (não que eu aprecie os fast-food…é só para ilustrar). Porém, há o outro lado da moeda…na falta do que fazer após o trabalho, tenho tempo de sobra para escrever artigos, editar vídeos, e navegar na Internet, encontrando e compartilhando coisas interessantes! É o que farei agora com o I2PD, que encontrei no site do CII (Construction Industry Institute).  Se você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui abaixoo, em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

I2PD – Integrated Industrial Project Delivery: contextualização

No link do CII para este assunto (https://bit.ly/32Ivhgl) há uma introdução a qual menciona a importância dos processos colaborativos e de integração na melhoria do desempenho dos mega-projetos industriais, ilustrado no gráfico abaixo:

I2PD – influência da Colaboração e Integração no sucesso do projeto

O CII reporta o crescente questionamento de clientes de mega-projetos industriais com relação ao modelo DBB (Design, Bid, Build – projeto, licitação, construção), que é o modelo realmente mais comum em nosso ambiente de projetos industriais. Destaca o fato de que cada vez mais os projetos se tornam mais longos e de alto custo, e frequentemente não atendem às expectativas do cliente e da equipe do projeto.

Neste aspecto, há a citação ao livro de Ed Merrow, do IPA, intitulado (Industrial Megaprojects), no qual relata que 65% dos projetos industriais falha em atingir os objetivos do negócio. Interessante notar que não se refere aí exclusivamente ao sucesso do projeto em si, mas os objetivos do negócio.

Meu amigo João Mosquim, em todos os fóruns em que participa, sempre destaca a importância de visualizar não apenas o sucesso do projeto, mas do ativo. Como aliás vem sendo já considerado na mais recente edição do PMBoK Guide, destacado em um artigo do Blogtek: O projeto como parte do negócio. Projetos bem sucedidos do ponto de vista “projeto” podem resultar em negócios inexpressivos, enquanto projetos mal sucedidos sob a ótica de “projeto”, podem resultar em excelentes resultados como um todo, vide a Ópera de Sydney.

Pontos destacados pelo CII que levam a este sentimento de insatisfação são, entre outros: desalinhamento de expectativas, inadequada transição entre fases do projeto, desorganização hierárquica, atrasos no projeto, change orders e pleitos.

I2PD – Integrated Industrial Project Delivery: o que devemos mudar?

O trabalho do CII, descrito no link acima, enumera 5 princípios colaborativos, 4 princípios de integração, 20 métodos e suas interrelações. A figura incluída na página está um pouco confusa, portanto criei a tabela a seguir para melhor visualização.

I2PD – Relação entre Princípios e Métodos
I2PD – Relação entre Princípios e Métodos na forma de Tabela

Alguns destes tópicos já foram abordados aqui no Blogtek:

Técnicas alternativas de construção de cronogramas – Planejamento em Ondas, Workface Planning, Milestone Trend Analysis, 14 pontos para um bom cronograma, Curva do caminho crítico, Cronograma de Marcos;

Planejamento da Construtibilidade – VIP Construtibilidade;

Front End Planning – Metodologia FEL, Metodologia dos portões-indicadores;

Visão de projeto associada a custo – Análise do valor agregado-diagnóstico, Análise do valor agregado-prognóstico, Fluxo de caixa, EAP e a curva de avanço;

Pré-montagem ou modularização – Modularização e Montagem Tradicional;

Oficinas de melhoramento de processos – Lições aprendidas, boas práticas, VIPs, VIP-Value Improvement Practices;

Team Building;

Ferramentas conjuntas de análise de riscos – Joint Confidence Level (JCL), Análise Quantitativa de Riscos;

Alianças estratégicas – Regimes de Contratação, Contratos FIDIC.

A cada semana, publicamos novos artigos aqui no Blogtek, sobre Gerenciamento de Projetos, Gestão da Manutenção, e tópicos sobre Liderança e Gestão. Também semanalmente publicamos um vídeo, os quais podem ser acessados em youtube.com/c/Blogtek, com legendas em espanhol.  Se você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui ao lado, em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.
Stonner

Rodolfo Stonner, Engenheiro Mecânico pela UFRJ, atuou como Engenheiro de Equipamentos Sênior da Petrobras, e foi Gerente de Construção e Montagem das Obras Extramuros da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco. Atualmente aposentado, é consultor e instrutor nas áreas de Gerenciamento de Projetos e Gestão da Manutenção, e está atuando com a Deloitte na implantação do PMO para a Refinaria de Talara, Peru. Gosta de lecionar, trocar experiências e conhecimentos, é certificado como PMP (Project Management Professional) e RMP (Risk Management Professional) pelo PMI, e CRE (Certified Reliability Engineer) pela ASQ.

Newsletter

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.