Menu

O elo frágil da Gestão de Ativos

Stonner Comente 04.09.17 622 Vizualizações Imprimir Enviar

O elo frágil da Gestão de Ativos – recentemente publicamos um artigo intitulado “Gestão de Ativos: o que é?” no qual expúnhamos a evolução da Manutenção, antes circunscrita à sua vida produtiva, até abranger todo o ciclo de vida do ativo, desde a concepção até o seu descarte. Estas diferentes etapas do ciclo de vida formam uma cadeia, uma corrente, porém, como ocorre com as correntes físicas, há sempre um elo mais frágil. Se você quiser ser notificado dos próximos artigos, cadastre seu e-mail aqui ao lado, em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.

O elo frágil da Gestão de Ativos – overview

A figura a seguir ilustra as diferentes etapas do ciclo de vida de um ativo. Concepção – projeto – fabricação – construção & montagem – comissionamento – operação & manutenção – descarte

Ciclo de vida do ativo

Gestão de ativos: ciclo de vida do ativo

Ao longo deste ciclo, onde notadamente há um maior hiato, um maior distanciamento, uma falta de sincronismo entre as equipes condutoras de cada etapa, é entre o Comissionamento e a Operação & Manutenção, resultando daí uma Manutenção deficiente, aprendendo “na marra” sobre os equipamentos e seus modos de falhas e as adequadas formas de intervir.

O elo frágil da Gestão de Ativos – origem

A origem já começa no eterno ciclo vicioso da manutenção. O termo “eterno” aqui me remete ao termo “infinito”, do soneto de Vinicius de Moraes: “que seja infinito enquanto dure, mas não imortal, posto que é chama…”. Portanto, parodiando o poetinha, não queremos que seja “imortal”, um dia este ciclo vicioso tem que acabar!).

A rigor, a Manutenção já deveria estar presente na fase da concepção, do projeto… para poder contribuir com sua vivência e experiência na geração de um novo ativo. Porém, eu mesmo faço o “mea culpa”…quantas vezes não fui (minha equipe) convidado a participar das discussões de projeto, e não pudemos comparecer justamente por estar…apagando incêndios!

No entanto, o maior “gap” ocorre entre as fases de Comissionamento e Operação & Manutenção. Por um lado, as equipes do projeto, construção e montagem, usualmente envolvidas há muito tempo neste projeto em particular, e premidos pela necessidade de buscarem novos projetos. Por outro lado, as equipes de manutenção, envolvidas nos “incêndios” da rotina, não tem o tempo suficiente para se envolverem no comissionamento e conhecerem melhor as peculiaridades técnicas e operacionais dos ativos que estão recebendo.

Simultaneamente, a Operação está operando um novo ativo e ainda não está totalmente familiarizada com este ativo e suas características. Assim, muitas vezes poderá cometer pequenas falhas operacionais, ou levar o equipamento a limites não tolerados, aumentando a carga de trabalho da Manutenção.

E é isto que caracteriza o elo mais frágil do Ciclo de Vida de um ativo: a passagem do ativo das mãos da Construção & Montagem para a Operação & Manutenção, na etapa de Comissionamento.

O elo frágil da Gestão de Ativos – como reforçar o elo

Obviamente, não se trata de um simples estalar de dedos. Não basta mencionar que a Manutenção deve participar mais da projeto e comissionamento, é necessário criar condições para tal. Segue uma sequência sugerida para reforçar este elo frágil. Esta sequência é obviamente uma sequência a ser seguida por quem queira melhorar a qualidade e resultados da Manutenção):

·         Manter atualizados os registros da Manutenção, de maneira a poder…

·         Realizar análise de falhas, buscando identificar os principais modos de falha, o que permitirá…

·         Otimizar o equilíbrio entre manutenção corretiva, preventiva e preditiva, o que certamente irá…

·         Diminuir as emergências e urgências da rotina da Manutenção, liberando a equipe para poder…

·         Participar do projeto de novos ativos, contribuindo com a visão da Manutenção, e…

·         Estar presente ao longo de todo o Comissionamento, juntamente com a Operação, para receber os novos ativos com pleno conhecimento.

Estamos sempre buscando dicas e sugestões para Gerenciamento, Gerenciamento de Projetos, Gestão da Manutenção, envolvendo a Gestão do Conhecimento. Para manter-se informado sobre os próximos artigos, cadastre seu e-mail em Assine o Blogtek! SEU E-MAIL NÃO SERÁ USADO POR TERCEIROS.

 

Clique aqui e cadastre-se para receber uma notificação por email sempre que um novo artigo for postado

Seu email não será utilizado por terceiros nem para envio de spam.

Stonner

Rodolfo Stonner, Engenheiro Mecânico pela UFRJ, atuou como Engenheiro de Equipamentos Sênior da Petrobras, e foi Gerente de Construção e Montagem das Obras Extramuros da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), em Pernambuco. Atualmente aposentado, é consultor e instrutor nas áreas de Gerenciamento de Projetos e Gestão da Manutenção, e está atuando com a Deloitte na implantação do PMO para a Refinaria de Talara, Peru. Gosta de lecionar, trocar experiências e conhecimentos, é certificado como PMP (Project Management Professional) e RMP (Risk Management Professional) pelo PMI, e CRE (Certified Reliability Engineer) pela ASQ.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

Gerenciamento de Projetos

Contratos EPC e EPCM – diferenças, vantagens e desvantagens

Comente Stonner 18.09.17
Liderança e Gestão

Diagrama Matricial – uma das sete ferramentas de gerenciamento

Comente Stonner 11.09.17
Gestão da Manutenção

O elo frágil da Gestão de Ativos

Comente Stonner 04.09.17
Gerenciamento de Projetos

Avalie a Comunicação em sua empresa ou organização

Comente Stonner 28.08.17
Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento das Partes Interessadas

Comente Stonner 21.08.17

Gerenciamento de Projetos

MS-Project – Dicas e Pegadinhas (Tips & Tricks)

83 Comentários Stonner 28.04.13
Liderança e Gestão

Seis regras testadas para vencer discussões (Les Giblin)

61 Comentários Stonner 01.12.14
Gestão da Manutenção

O Planejamento de uma Parada de Manutenção – Parte 1

61 Comentários Stonner 05.05.13
Atualidades

O que o biquíni esconde e o custo das novas refinarias…

56 Comentários Stonner 17.04.13
Gerenciamento de Projetos

Metodologia FEL – Método dos Portões

44 Comentários Stonner 17.02.13

Bem-vindo ao novo

Blogtek

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Loading...Loading...
Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.
© 2013 - 2017 Blogtek.